O que são normas de argamassa na construção civil?

A argamassa é um material amplamente utilizado na construção civil, sendo essencial para a fixação e revestimento de elementos estruturais. Para garantir a qualidade e segurança das construções, existem normas específicas que regulamentam o uso e aplicação da argamassa. Neste glossário, iremos abordar as principais normas relacionadas à argamassa na construção civil, fornecendo informações detalhadas sobre cada uma delas.

NBR 13281:2005 – Argamassa para assentamento e revestimento de paredes e tetos – Requisitos

A NBR 13281:2005 estabelece os requisitos mínimos para a argamassa utilizada no assentamento e revestimento de paredes e tetos. Essa norma define as características físicas e mecânicas que a argamassa deve apresentar, como resistência à compressão, aderência, trabalhabilidade e absorção de água. Além disso, a norma também estabelece os métodos de ensaio para a verificação dessas propriedades.

NBR 13282:2005 – Argamassa para assentamento de paredes e revestimento de tetos – Determinação da resistência à compressão

A NBR 13282:2005 tem como objetivo determinar a resistência à compressão da argamassa utilizada no assentamento de paredes e revestimento de tetos. Essa norma estabelece o procedimento de ensaio para a determinação da resistência à compressão, que consiste em submeter corpos de prova de argamassa a uma carga axial até a sua ruptura. A resistência à compressão é um parâmetro importante para garantir a estabilidade e segurança das construções.

NBR 13283:2005 – Argamassa para assentamento de paredes e revestimento de tetos – Determinação da resistência à tração na flexão e à aderência

A NBR 13283:2005 estabelece os métodos de ensaio para a determinação da resistência à tração na flexão e à aderência da argamassa utilizada no assentamento de paredes e revestimento de tetos. A resistência à tração na flexão é a capacidade da argamassa de resistir a esforços de flexão, enquanto a aderência é a capacidade de aderir aos substratos. Esses ensaios são importantes para garantir a durabilidade e desempenho da argamassa.

NBR 13284:2005 – Argamassa para assentamento de paredes e revestimento de tetos – Determinação da densidade de massa

A NBR 13284:2005 estabelece o método de ensaio para a determinação da densidade de massa da argamassa utilizada no assentamento de paredes e revestimento de tetos. A densidade de massa é a relação entre a massa e o volume da argamassa, sendo importante para o dimensionamento correto dos elementos estruturais. Esse ensaio permite verificar se a argamassa está dentro dos limites estabelecidos pela norma.

NBR 13285:2005 – Argamassa para assentamento de paredes e revestimento de tetos – Determinação do índice de consistência

A NBR 13285:2005 estabelece o método de ensaio para a determinação do índice de consistência da argamassa utilizada no assentamento de paredes e revestimento de tetos. O índice de consistência é uma medida da fluidez da argamassa, ou seja, da facilidade com que ela se espalha e adere aos substratos. Esse ensaio é importante para garantir a trabalhabilidade da argamassa durante a sua aplicação.

NBR 13286:2005 – Argamassa para assentamento de paredes e revestimento de tetos – Determinação do tempo de pega

A NBR 13286:2005 estabelece o método de ensaio para a determinação do tempo de pega da argamassa utilizada no assentamento de paredes e revestimento de tetos. O tempo de pega é o intervalo de tempo entre a adição da água à argamassa e o momento em que ela atinge uma determinada rigidez. Esse ensaio permite verificar se a argamassa possui um tempo de pega adequado para a sua aplicação.

NBR 13287:2005 – Argamassa para assentamento de paredes e revestimento de tetos – Determinação da retenção de água

A NBR 13287:2005 estabelece o método de ensaio para a determinação da retenção de água da argamassa utilizada no assentamento de paredes e revestimento de tetos. A retenção de água é a capacidade da argamassa de reter a água adicionada durante o seu preparo, sendo importante para garantir a hidratação adequada dos materiais constituintes. Esse ensaio permite verificar se a argamassa possui uma retenção de água dentro dos limites estabelecidos pela norma.

NBR 13288:2005 – Argamassa para assentamento de paredes e revestimento de tetos – Determinação da resistência à tração na flexão e à aderência após imersão em água

A NBR 13288:2005 estabelece o método de ensaio para a determinação da resistência à tração na flexão e à aderência da argamassa utilizada no assentamento de paredes e revestimento de tetos após imersão em água. Esse ensaio simula as condições de exposição da argamassa à umidade, verificando a sua resistência e durabilidade nessas condições. Essa norma é importante para garantir a qualidade da argamassa em ambientes úmidos.

NBR 13289:2005 – Argamassa para assentamento de paredes e revestimento de tetos – Determinação da resistência à tração na flexão e à aderência após ciclagem em água quente e fria

A NBR 13289:2005 estabelece o método de ensaio para a determinação da resistência à tração na flexão e à aderência da argamassa utilizada no assentamento de paredes e revestimento de tetos após ciclagem em água quente e fria. Esse ensaio simula as variações de temperatura a que a argamassa pode ser submetida, verificando a sua resistência e durabilidade nessas condições. Essa norma é importante para garantir a qualidade da argamassa em ambientes sujeitos a mudanças térmicas.

NBR 13290:2005 – Argamassa para assentamento de paredes e revestimento de tetos – Determinação da resistência à tração na flexão e à aderência após ciclagem em água quente e fria e em ambiente com dióxido de enxofre

A NBR 13290:2005 estabelece o método de ensaio para a determinação da resistência à tração na flexão e à aderência da argamassa utilizada no assentamento de paredes e revestimento de tetos após ciclagem em água quente e fria e em ambiente com dióxido de enxofre. Esse ensaio simula as condições de exposição da argamassa a ambientes agressivos, verificando a sua resistência e durabilidade nessas condições. Essa norma é importante para garantir a qualidade da argamassa em ambientes sujeitos a ataques químicos.

NBR 13291:2005 – Argamassa para assentamento de paredes e revestimento de tetos – Determinação da resistência à tração na flexão e à aderência após ciclagem em água quente e fria, em ambiente com dióxido de enxofre e em ambiente com dióxido de carbono

A NBR 13291:2005 estabelece o método de ensaio para a determinação da resistência à tração na flexão e à aderência da argamassa utilizada no assentamento de paredes e revestimento de tetos após ciclagem em água quente e fria, em ambiente com dióxido de enxofre e em ambiente com dióxido de carbono. Esse ensaio simula as condições de exposição da argamassa a ambientes agressivos, verificando a sua resistência e durabilidade nessas condições. Essa norma é importante para garantir a qualidade da argamassa em ambientes sujeitos a ataques químicos e à carbonatação.

NBR 13292:2005 – Argamassa para assentamento de paredes e revestimento de tetos – Determinação da resistência à tração na flexão e à aderência após ciclagem em água quente e fria, em ambiente com dióxido de enxofre, em ambiente com dióxido de carbono e em ambiente com cloreto de sódio

A NBR 13292:2005 estabelece o método de ensaio para a determinação da resistência à tração na flexão e à aderência da argamassa utilizada no assentamento de paredes e revestimento de tetos após ciclagem em água quente e fria, em ambiente com dióxido de enxofre, em ambiente com dióxido de carbono e em ambiente com cloreto de sódio. Esse ensaio simula as condições de exposição da argamassa a ambientes agressivos, verificando a sua resistência e durabilidade nessas condições. Essa norma é importante para garantir a qualidade da argamassa em ambientes sujeitos a ataques químicos e à carbonatação, bem como à corrosão causada pelo cloreto de sódio.